Início » 8 » Piratas disfarçados de Polícia Federal são presos em Coari

Piratas disfarçados de Polícia Federal são presos em Coari

Calendário

Fevereiro 2013
M T W T F S S
« Jan   Mar »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728  

Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 3.358 outros seguidores

 

Mais uma quadrilha de piratas foi desarticulada pela Polícia Militar na madrugada deste domingo, dia 17 de janeiro, nas proximidades da boca do Bananal, na região do alto Solimões, no município de Coari. Em menos de um mês esta é a segunda quadrilha presa por militares da Força Tática, comandados pelo major PM Airton Norte.
 
O que chamou atenção desta vez foi o uso de fardamento da Polícia Federal e a grande quantidade de armas de fogo, munições, botes e motores de popa em poder da quadrilha formada por cinco elementos. Apenas um conseguiu êxito na fuga, mas já foi identificado. Um deles se identificou como vocalista da banda Cravo com Mel.
 
De acordo com a polícia a quadrilha de piratas é acusada de praticar assaltos nas comunidades rurais envolvendo os municípios do médio Solimões. Eles também atacavam comerciantes de peixe e de produtos regionais nas calhas dos rios, por onde trafegam diariamente centenas de embarcações dos mais variados portes e atividades.
 
Uma das últimas ações da quadrilha, realizada há cerca de duas semanas, foi o roubo de uma voadeira composta por um bote de alumínio de 7 metros e um motor de 40 hp, pertencente a um padre. A polícia conseguiu recuperar a embarcação do religioso e mais outras duas voadeiras com motor de 15 hp e um bote de madeira, coberto e que atendia o transporte escolar do município.
Os presos são: Marcos de Souza Barros/”pezão” , 29 anos; Vanuber Ferreira Cardoso/”na panca”, 30 anos; José Freide de Silva Souza/”freide”, 33 anos; Gracinildo de Souza Cardoso/primo de Vanuber, 27 anos e Vagno Ferreira Cardoso/irmão de Vanuber, 29 anos, o único que conseguiu fugir do local.
Ao desembarcarem, nas primeiras horas da manhã, na sede do município coariense aquele grupo de policiais mais parecia estar voltando de uma missão, já que todos estavam fardados – uns da PM outros da PF – e demonstravam cansados da longa madrugada mal dormida e da cansativa viagem. Mas, uma grande diferença havia entre eles: uns estavam algemados e outros recebiam aplausos da população, que acompanhou o comboio até a 10ª Delegacia Regional de Polícia Civil e apresentados ao delegado Hipólito Cordeiro.
 
 
Junto com os presos a polícia encontrou uma botija de gás, um fogão de 4 bocas, dois coletes balísticos com placas de ferro, alicate para cortar aço, uma escopeta calibre 12, dois rifles 22, um rifle 44, dois rifles 38, um holofote náutico, 2 baterias, um celular, um arco com serra para aço, três coturnos com símbolo da Polícia Civil, 43 cartuchos calibre 12, sete cartuchos 38, 13 munições 9 mm, uma 380 mm.


Eledilson Colares (Coari/AM)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: