Início » 5 » Governador Omar Aziz abre ano letivo inaugurando novo Ceti na zona norte e anunciando outros 23 para o interior

Governador Omar Aziz abre ano letivo inaugurando novo Ceti na zona norte e anunciando outros 23 para o interior

Calendário

Fevereiro 2013
M T W T F S S
« Jan   Mar »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728  

Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 3.358 outros seguidores

O governador Omar Aziz abriu oficialmente o ano letivo da rede pública estadual de ensino na manhã desta segunda-feira, 04 de fevereiro, inaugurando mais uma escola de tempo integral em Manaus – o Centro de Educação de Tempo Integral (Ceti) Prof. Eng. Sérgio Alfredo Pessoa Figueiredo, no bairro Cidade de Deus, zona norte.  Ao lado da presidente do Fundo de Promoção Social (FPS), a primeira-dama, Nejmi Jomaa Aziz, ele anunciou a construção de outras 23 unidades educacionais nesse modelo no interior, com investimentos que ultrapassam R$ 300 milhões.
As novas unidades foram anunciadas em meio a um pacote de obras de mais de R$ 5 bilhões que deve ser detalhado nesta terça-feira (05), na leitura da mensagem governamental, na Assembléia Legislativa do Estado (ALE-AM). Os recursos são para obras em infraestrutura, saúde, segurança e educação, incluindo o Hospital da Zona Norte, recém licitado e a Cidade Universitária da Universidade do Estado do Amazonas (UEA). Em breve, devem iniciar as obras dos prédios da Reitoria, das faculdades de Tecnologia e de Estudos Sociais e do alojamento com mil apartamentos para estudantes do interior.
De acordo com o governador, até o final de 2014, deverão ser 70 escolas de tempo integral funcionando no estado. Hoje, são 25, das quais 10 são no modelo Ceti e outras adaptadas. Omar Aziz destacou que os investimentos na educação não se resumem às obras físicas, mas também à valorização do professor, com programas de qualificação e o fornecimento de equipamentos necessários para que possam produzir uma boa aula. “A obra física é importante, porque faz com que as pessoas se sintam melhor num ambiente adequado, mas o conhecimento que os jovens precisam adquirir dentro da escola, para que mais tarde possam cursar uma universidade, depende de outros fatores que estamos trabalhando”, observou.
Entre os recursos anunciados pelo governador está a distribuição de tablets para estudantes do terceiro ano do Ensino Médio e também para os professores. Outra boa notícia para os professores será a realização de um grande programa de formação profissional, que vai permitir a expansão de vagas de pós-graduação.  Serão pelo menos 3 mil novas vagas gratuitas de especialização lato sensu disponibilizadas pela Secretaria de Estado de Educação (Seduc), em universidades públicas e privadas. Ainda estão previstas a expansão do programa de reforço escolar, dentre outras ações voltadas para melhorar a qualidade do ensino e ajudar o Estado a avançar nos índices de educação nacional.
Novo Ceti – Localizado na rua Uirapuru, s/nº, no bairro Cidade de Deus (próximo à Reserva Ducke), o novo Ceti atenderá inicialmente a 927 alunos de ensino fundamental (6º ao 9º ano) e ensino médio, oferecendo a modalidade de educação em tempo integral. Com investimentos de R$ 13 milhões, a escola possui 24 salas de aulas climatizadas, piscina semi-olímpica, auditório, quadra poliesportiva coberta, laboratórios de ciências e informática, biblioteca, sala de música, sala para atividades de dança, refeitório, cozinha, gabinete odontológico e salas administrativas.
O novo Ceti também contará, de forma pioneira, com atividades formativas do Programa Estratégico de Indução à Formação de Recursos Humanos em Engenharias (Pró-Engenharias) e Programa Estratégico de Indução à Formação de Recursos Humanos em Tecnologia da Informação (RH-TI), com os quais a Seduc, em parceria com a Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia (Secti) e Fundação de Amparo à Pesquisa no Amazonas (Fapeam), oferecerá capacitação aos estudantes visando suscitar talentos para ciências exatas.
 
Em números – De acordo com o secretário Estadual de Educação, Rossieli Soares da Silva, cerca de 530 mil estudantes estão matriculados para o ano letivo de 2013 em 565 escolas da capital e do interior. Só de merenda escolar serão 21 mil toneladas de alimentos, que começaram a ser enviados desde dezembro aos municípios. Para Manaus, a merenda começou a ser entregue em janeiro.
Neste ano, os 22 mil professores da rede estadual receberão kits com duas camisas que poderão ser utilizados, opcionalmente, como uniforme escolar, além de agenda, livro e outros materiais de apoio. Enquanto os estudantes do ensino médio e de 6º ao 9º ano do ensino fundamental da rede estadual também recebem do Governo do Estado a camisa do uniforme escolar. Os 15 mil estudantes das 25 escolas de tempo integral e os estudantes das escolas regulares de 1º ao 5º ano ganham uniforme completo (camisa, calça e casaco), além de mochila e tênis.
Patrono
Filho primogênito de Magnólia Pessoa Figueiredo e José Luiz Figueiredo, Sérgio Alfredo Pessoa Figueiredo nasceu no dia 14 de dezembro de 1948, em Manaus.
Foi casado com Ana Tereza da Silva Figueiredo e teve como filhos: Sérgio Júnior, Renata, Fabianno e Mônica, seus dois netos: Beatriz e Sérgio Neto.
Concluiu seus primeiros estudos no Ginásio Industrial, pela Escola Técnica de Manaus e graduou-se em 1973 no curso de Engenharia Civil pela Universidade do Amazonas, havendo iniciado os estudos na Pontifícia Universidade Católica (PUC) do Rio de Janeiro.
Cursou pós-graduação em “Planejamento Governamental”, “Engenharia de Segurança”, “Metodologia de Elaboração e Análise de Projetos de Desenvolvimento Urbano” e concluiu mestrado em Urbanismo pela Universidade Federal de Minas Gerais.
Destaca-se dentre seus trabalhos publicados “Modelo de Plano de Gestão Municipal para o Desenvolvimento Sustentável de Municípios do Interior do Amazonas, FGV/ ISAE, mar/96”, “Diagnóstico de Indicadores Socioeconômicos dos Municípios da Região do Alto Solimões/AM – formato digital – SEBRAE/AM, 2004”. 
No Amazonas foi coordenador geral na elaboração de programas e projetos em diversos segmentos do poder público regional nas décadas de 80 e 90, destacando na elaboração dos projetos urbanísticos do “Terminal Fluvial da Ceasa”, “Programa Manaus Belle Epoque: Revitalização do Entorno do Teatro Amazonas e Revitalização do Entorno do Mercado Central e Ruas do Comércio”, dentre outros. Foi consultor da Fundação Getúlio Vargas e por oito vezes exerceu o cargo de secretário de Estado em diversas pastas, além de ter sido professor da Universidade Federal do Amazonas (Ufam).
Faleceu aos 57 anos, em 2005, de infarto, deixando um legado de profissionalismo e responsabilidade para com a causa pública e desenvolvimento da região.

FOTOS: ALEX PAZUELLO / AGECOM


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: