Governo do Estado prepara Manaus para atendimento em caso de acidentes químicos, bacteriológicos, radioativos e nucleares durante a Copa 2014

As experiências adquiridas na organização dos mundiais de 2006 e 2010 estão sendo repassadas por especialistas alemães
O Governo do Amazonas, por meio da Defesa Civil do Estado e da Unidade Gestora do Projeto Copa (UGP Copa), está capacitando gestores das áreas de saúde e segurança pública para a prevenção e o socorro à população em caso de acidentes químicos, bacteriológicos, radioativos e nucleares, durante o período dos jogos da Copa 2014 em Manaus. O workshop “QBRN e Segurança em Megaeventos para Organizações Não Policiais” iniciou nesta terça-feira, dia 4 de dezembro, e se estende até a próxima quinta-feira, dia 6, no auditório da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (Fieam), no Centro, zona sul de Manaus.

A ação segue orientação do governador Omar Aziz de estruturar os órgãos estaduais e municipais envolvidos na realização do evento, entre eles a Defesa Civil estadual e municipal, o Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM), Instituto Médico Legal (IML), Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), além da rede hospitalar e fundações, como a Fundação de Vigilância Sanitária do Amazonas (FVS). Participam ainda representantes da Petrobras e Infraero
“O Governo do Amazonas, ciente de suas responsabilidades, trouxe essa capacitação para organizações não policiais, afim de garantir o controle na atividade portuária, aeroportuária, rede hospitalar e proteção civil de um modo geral, garantindo um nível de proteção desejada à população de Manaus e àquelas que vão prestigiar a Copa de 2014”, afirmou o secretário da Defesa Civil do Estado, Roberto Rocha.
Para o coordenador do Projeto Copa, Miguel Capobiango, essa é mais uma etapa que o Governo do Estado cumpre na preparação do Mundial. “A ideia é preparar todas as intuições do Estado e Município, para que possam dar uma resposta rápida à sociedade, em qualquer situação emergencial durante a Copa”, enfatizou.
Especialistas – Os dois palestrantes são bombeiros da Alemanha, especialistas em QBRN (sigla para Químicos, Biológicos, Radioativos e Nucleares). Eles fazem parte do Host City Program, programa de cooperação do governo alemão, e estão repassando aos gestores de Manaus as experiências adquiridas na organização da Copa da Alemanha, em 2006, e no Mundial na África do Sul, em 2010.
“Essa será uma troca de experiências. Em 2006, estávamos na mesma situação de vocês e agora temos a prática. É baseado nisso que vamos trabalhar neste workshop”, garantiu um dos palestrantes, o tenente-coronel Hauke Speth.
Sobre o Host City Program – O evento está sendo promovido no âmbito do Host City Program. O Programa é financiado pelo BMZ (Ministério Federal de Cooperação Econômica e Desenvolvimento da Alemanha), através da SKWEW, entidade que fomenta intercâmbio de experiências entre municípios em prol do desenvolvimento sustentável. A GIZ (Agência para Cooperação Internacional do Governo Alemão) é o braço executor do Programa no Brasil.


CRÉDITO DAS FOTOS: ALFREDO FERNANDES/AGECOM

Publicado por Amazonas Em Destaque

Um blog com os principais fatos e destaques do Estado do Amazonas.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: