Governo do Amazonas promove entrega de óculos e próteses na Policlínica Codajás

Beneficiários do Programa de Atenção Integral ao Deficiente (Paid), coordenado pela Policlínica Codajás, unidade da rede estadual de saúde do Governo do Amazonas, recebem durante toda esta semana óculos e próteses, em uma ação que visa melhorar a qualidade de vida de quem tem deficiência visual ou física. Ao todo, serão beneficiados 33 inscritos nos módulos ocular e ortopédico do Paid.
Nesta terça-feira, 24 de abril, o aposentado Renato Pedraça, 75, esteve na Policlínica, localizada na rua Codajás, Cachoeirinha, zona sul de Manaus, para receber os óculos de lentes bifocal, que vai auxiliar tanto na leitura quanto para enxergar a longas distâncias. “Agora eu vou poder sair de casa e ler o jornal de domingo, as duas coisas que eu mais gostava de fazer até descobrir que meu grau de miopia e hipermetropia subiu”, disse.       
Assim como o aposentado, até esta quarta-feira (25), o Paid realiza a entrega das órteses oculares (óculos) também para crianças. Ao todo serão entregues 25 órteses.   

Nesta quinta-feira (26) e no dia 3 de maio, os usuários inscritos nos módulos ortopédicos recebem próteses. Serão oito próteses destinadas aos pacientes cujo membro inferior foi amputado.
De acordo com a enfermeira e supervisora do Paid, Josenira Araújo, apesar de parecer simples, a concessão dos equipamentos exige um processo que vai desde a consulta médica até medidas educativas sobre como manter o benefício.
“Para as duas vertentes do programa, ocular e ortopédica, é necessário a criação de um cadastro, mediante a recomendação de um médico. Após o cadastro, nossas assistentes sociais e profissionais da saúde dão orientações técnicas e educativas sobre o funcionamento do programa. É importante que cada usuário esteja ciente que não é só conseguir o benefício gratuito, como também, seguir as orientações médicas da nossa equipe”, salientou.
Acesso – As concessões ocorrem na sede do Paid (na Avenida Codajás, 26, Cachoeirinha). Para ter acesso aos equipamentos, o deficiente deve efetuar inscrição em um dos quatro módulos do Programa (auditivo, estomizado, ocular e ortopédico) e fazer acompanhamento regular. Os documentos necessários são: RG, CPF, Cartão SUS, comprovante de residência e encaminhamento médico, com laudo a respeito da deficiência. O Programa é referência em atendimento especializado a usuários da rede estadual de saúde.
FOTOS: ROBERTO CARLOS/AGECOM

Publicado por Amazonas Em Destaque

Um blog com os principais fatos e destaques do Estado do Amazonas.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers gostam disto: