Governo do Estado destaca talento dos artistas locais com Pré-Bienal de Artes

Com a abertura da Pré-Bienal “Do Lápis de Di ao Festim das Barrancas”, realizada na últim a sexta-feira, 30 de março, no Centro Cultural dos Povos da Amazônia (CCPA), o Governo do Amazonas divulga para a população os artistas locais e se prepara para inseri-los no panorama nacional e internacional das artes, pois, em 2013, será realizada a Bienal Amazônica I.


O secretário estadual de Cultura, Robério Braga, frisa que o evento possui o foco de atrair a população para prestigiar os artistas locais. “Estamos no ponto de partida para a Bienal de Artes no ano que vem e, com isso, queremos que a população conheça e interaja com os nossos artistas. Para isso, estamos trazendo para a visita 15 mil alunos das escolas públicas que, durante esse período, visitarão a exposição e conhecerão os artistas para manter um diálogo com eles. Isso é criar oportunidades para as pessoas”, destacou.

Para o artista plástico Jandr Reis, que há 20 anos produz obras com temáticas amazônicas, o evento é um marco na história da cultura amazonense. “Estou muito feliz em participar junto aos demais colegas porque todos esses trabalhos vão levar reflexões para as pessoas da diversidade de temas e abordagens das artes plásticas por meio das nossas produções”.

Organização da exposição – A exposição acontece até o dia 30 de maio e o público pode conferir a exposição que está dividida em três eixos curatoriais no CCPA. A primeira é a ‘Sala Unidade’ onde está a coleção inédita de Hahnemann Bacelar e as pinturas de Roberto Burle Marx. Na ‘Sala dos Artistas’ estão disponíveis cerca de 200 obras de 30 artistas de Manaus e dos municípios de Coari, São Paulo de Olivença e Parintins.

Os desenhos e as pinturas do Di Cavalcanti completam o acervo cultural da exposição na capital manauara. Intitulada de ‘Di Cavalcanti, do desenhista ao pintor’, as produções do artista são originárias de uma Mostra realizada no Centro Cultural dos Correios, no Rio de Janeiro.

Participação da comunidade – O público poderá participar gratuitamente da programação acadêmica “Vivências em Artes Visuais, Compreensão, Reflexão e Prática” com o artista plástico Nelson Falcão, de terça a sexta-feira nos horários das 9h às 10h, 10h às 11h, 15h às 16h e 16h às 17h.

A estudante Sabrina Nascimento, 16, ficou surpreendida ao entrar no ‘labirinto’ cultural no CCPA e disse que vai vir outros dias para aprender mais sobre as artes. “Foi a minha primeira vez numa exposição e achei muito legal porque conheci pinturas famosas e várias obras diferentes. Com certeza virei outros dias para conhecer cada trabalho com mais detalhes”, afirmou.

Horários – As exposições acontecem no período de 30 de março e 30 de maio, sendo de terça a sexta-feira: 9h às 12h e 14h às 20h. Aos sábados, domingos e feriados: 14h às 20h. Os visitantes ainda contam com transcrição em Braile, áudio da exposição e monitor de Libra.

CRÉDITO DAS FOTOS: HERICK PEREIRA/AGECOM

Publicado por Amazonas Em Destaque

Um blog com os principais fatos e destaques do Estado do Amazonas.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: