Na conferência do PC do B, governador Omar Aziz anuncia compra de mamógrafos para todos os municípios do interior

O governador Omar Aziz afirmou que fechou neste fim de semana a compra de 61 mamógrafos, um para cada município do interior do Estado. Omar falou sobre a aquisição dos equipamentos durante a Conferência Estadual do Partido Comunista do Brasil (PC do B), na manhã deste sábado, dia 5 de novembro, no Auditório da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE). O governador chegou ao local da conferência carregando no colo a filha Johara, de 2 anos.

Os equipamentos serão operados por técnicos capacitados para encaminhar os exames, via sistema de Telemedicina, aos médicos especialistas da capital, que irão emitir os laudos e avaliar as pacientes. O Governo do Estado já concluiu a implantação da Telemedicina em todos os municípios.

Durante a conferência, Omar Aziz falou ainda sobre as dificuldades de se desenvolver alternativas econômicas para o Amazonas, a exemplo da produção de peixe em cativeiro, por conta das limitações impostas pelas leis ambientais. Também demonstrou preocupação com os desafios enfrentados pelo Polo Industrial de Manaus (PIM), diante do avanço das importações chinesas e asiáticas no País. Segundo ele, a crise na Europa e nos Estados Unidos reduziu o mercado consumidor dos asiáticos que agora buscam novos mercados na América do Sul e no Brasil, ameaçando as vendas do PIM, voltadas exclusivamente para o mercado nacional.

Ao falar com a imprensa, Omar Aziz ressaltou a relação que tem com o PC do B, aliado de governo, e o partido onde iniciou sua trajetória política. “Tenho um carinho grande, aprendi muito. Daqui tirei muitas lições para a vida e tenho muito amigos com os quais militei no PC do B”, disse, ao ressaltar que pretende ir a todos os eventos de partidos aliados para os quais for convidado.

Ao se dirigir no discurso a representantes do partido nos municípios, o governador reafirmou compromissos, como a construção da Cidade Universitária, em Iranduba, que terá alojamento para 2 mil estudantes do interior e um hospital universitário com o maior Centro de Telemedicina do Norte do Pais, para compensar a falta de médicos especialistas no interior. “Por mais que me esforce não consigo levar médicos especialistas para o interior. Faltam recursos humanos”.

Para construir a Cidade Universitária, que vai reunir todas as unidades da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), ele afirmou que já está em curso o processo de desapropriação de um terreno de 12 milhões de metros quadrados. “Nós vamos fazer a universidade mais bela do Brasil, quiçá do mundo. É um velho sonho de uma pessoa que militou no movimento estudantil e no PCdo B. É através do conhecimento que vamos levar desenvolvimento para o Estado”.


Fotos: Alex Pazuello / AGECOM

Publicado por Amazonas Em Destaque

Um blog com os principais fatos e destaques do Estado do Amazonas.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: